Para quem procura qualidade de vida, Portugal é uma excelente escolha

Portugal: um país seguro

Portugal foi considerado, em 2016, o 5º país mais pacífico e seguro do mundo de 163 listados em um ranking feito pelo Instituto para Economia e Paz que tem sede na Austrália. Esse é um grande atrativo para os brasileiro que buscam segurança e uma melhor qualidade de vida. Pois os dados da violência no Brasil são alarmantes e só aumentam.

É muito complicado para os pais, principalmente os que moram em cidades pequenas no Brasil, enviar seus filhos para os grandes centros para fazerem uma graduação. Passei por esse problema quando ainda morava em Cabo Frio (RJ) e meu filho mais velho passou para a UFF em Niterói. Ficamos muito felizes por ele ter conseguido uma vaga em uma universidade federal, mas ao mesmo tempo foi enorme a angustia de pensar na violência que ele passaria a ficar exposto. Não que nossa cidade fosse um paraíso, mas nós sabíamos que Niterói tinha uma situação, em relação a segurança, muito pior que Cabo Frio. Sei que existe perigo em qualquer lugar do mundo, mas os índices brasileiros, principalmente em relação os jovens, são assustadores. Eles são as principais vítimas.

Hoje, morando em Coimbra não observo nenhuma situação eminente de violência. Não existem meninos de rua perambulando pela cidade. Nem dependentes químicos que causem qualquer ameaça ou abordagem, como vemos nos grandes centros urbanos brasileiros. Aqui as pessoas andam à noite sem nenhuma preocupação. A grande maioria das casas não têm grades. Não existe narcotráfico, nem milícia. As periferias tem uma urbanização do mesmo jeito que o centro da cidade e não existem favelas.

Segurança para ir e vir.

Portugal é um país que possui dimensões menores que a maioria dos estados brasileiros. Em menos de 5 horas é possível atravessar de norte a sul, por meio de trem de alta velocidade. As seis principais cidades (Braga, Porto, Coimbra, Lisboa, Setúbal e Faro) estão interligadas por esse sistema como também por inúmeras vias expressas chamadas de autoestradas que circundam esses perímetros urbanos interligadas por rodovias sem pedágio. As autoestradas portuguesas são extremamente seguras, apesar da velocidade máxima permitida ser geralmente 120 km/h. Além de apresentarem vias de mão única com duas ou três pistas de rodagem, o fluxo de veículos é baixíssimo e a presença de ônibus e caminhão é uma verdadeira raridade. Portanto, pode-se viajar por Portugal sem grandes sustos. E vale a pena!

O mapa de Portugal é estreito no sentido leste-oeste. Fazendo fronteira com a Espanha a leste e com o oceano atlântico a oeste.

Fonte wikimedia.org

Seu extenso litoral é um grande atrativo turístico, com praias para todos os gostos. Para os amantes do surf, a praia de Nazaré com suas ondas gigantes é passagem obrigatória. Para quem busca praias mais calmas e água mais quente o Algarve é o lugar ideal. Portanto, cruzar Portugal de leste a oeste é sair das montanhas do norte ao mar bravio em menos de 2 horas de carro. Já abaixo de Lisboa significa transformar os cenários de campos do Alentejo e do Algarve num litoral de praias de mar sereno e de cenários deslumbrantes. Ou seja, não há motivos para ao longo do curso um estudante não aproveitar a oportunidade de conhecer Portugal por inteiro, usufruindo da segurança e facilidade que o país oferece.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *